23/01/2011

Blogagem Coletiva - História de Amor

Post para comemoração dos 3 anos do blog da querida She! Vou contar uma história de amor que presenciei...

Não sei bem ao certo quando ela começou, mas sei que foi linda e muito real.
Ela, 25 anos. Ele, 26 anos.
Se conheceram em alguma estrada da vida e o amor foi nascendo... Tiveram muitos momentos difíceis de oposição da família, ex-mulher pegando no pé, intrigas... (ele já havia sido casado...) Mas os momentos bons foram muitos também! Ali o amor crescia a cada dia e se transformava. Decidiram morar juntos sem casar de papel assinado. Foram os dias mais felizes. Toda manhã quando ela acordava tinha um bilhete ao lado da cama, na geladeira, no banheiro... Os cartões eram os mais apaixonados.

Mais ou menos 1 ano depois, a grande notícia os encheu de alegria. O amor entre eles gerou um fruto. Um fruto que mudaria toda a história deles. Os meses da gravidez foram compartilhados com amigos, familiares e sem dúvida, entre o casal. Ele era um pai muito cuidadoso. Não deixava a mãe fazer as tarefas de casa e estava sempre ajudando.
O tão esperado dia chegou... A filha tão amada veio ao mundo. A alegria ficou muito maior. Os cuidados eram dobrados.

Por motivos que desconhecemos, as coisas mudaram... Mudaram totalmente... A família feliz, o amor que existia entre o casal foi afetado. Pessoas que apareceram, querendo ou não, atrapalharam. Ele foi ficando diferente, estressado, nervoso... Até que um dia ele disse que não dava mais. Foi uma decepção, um choque. Aquela mulher se viu ali, abandonada com uma filha pequena... O amor ainda existia no coração dela e vê-lo com outra foi muito mais difícil do que imaginava...

Essa não é uma história com final feliz, mas enquanto ela durou foi a mais intensa, a mais feliz, a mais apaixonante. Essa criança nasceu de um amor muito lindo, que infelizmente durou pouco tempo.

É claro que eu fico imaginando como seria se meus pais ainda tivessem juntos... E é claro que eu queria que isso tivesse acontecido. Mas não é por isso que não admire a história deles. Como eu falei, meu pai foi o melhor marido enquanto esteve com minha mãe, tirando os últimos meses... Até hoje minha mãe tem as cartas, os cartões, as declarações guardadadas. E eu acho lindo tudo isso.

Essa história de amor é dos meus pais, e consequentemente, eu participei dela, sou o fruto do amor mais sincero e bonito *-*

She querida, obrigada pela oportunidade de falar sobre isso. Acredito que não o faria em outra ocasião... Eu podia contar uma história com final feliz, mas essa é a que me comove e a que apesar de tudo foi bonita... :)
Beijos!

18 comentários:

Cantinho She disse...

E foi simplesmente PERFEITA minha Linda, eu amei, muito obrigada por dividi-la comigo e com a gente! É isso mesmo enquanto deu certo existia sim amor e foi mesmo lindo e vc é o lindo fruto dessa relação, sem dúvida nenhuma! Minha Linda muito obrigada por seu carinho e cia em minha festa amei te ter nela! ;)
Beijo, beijo!
She

Suzala Moura disse...

Oi Jaqueee...achei linda a história! parabéns por compartilhá-la conosco..beijos!

Dri Andrade disse...

Bella,estou com saudades de vc!!
Gostei muito da história, o final dela é feliz sim,pois gerou vc,um presentão.
Parabéns pelo belo texto,vc escreveu mt bem.

te adoro linda beijoconassss

orvalho do ceu disse...

Oi, querida Jaque
"... o amor crescia a cada dia e se transformava"...

Que bom vc estar participando da Coletiva da She!!!
Essa frase acima do seu post é por demais importante para mim para definir AMOR... Creio ser possível em qualquer idade...
Vc foi esperada e amada e isso define hoje seu caráter e temperamento amoroso...
O AMOR JAMAIS ACABARÁ!!!
Bjm e ótima semana com paz e AMOR!!!

Nilce disse...

Minha linda!

Por ter nascido de tão grande amor é que você o distribui por onde passa.
Você é muito especial e muito amada.
Linda a história de sua mãe. Não era para ser minha querida.
Não lamente o que deu errado e sim as lembranças boas que ficaram.

Bjs no coração!

Nilce

Dora Regina disse...

Jaque, obrigada por partilhar sua linda história de amor.
Que bom ter sido você o fruto desse amor.
Um grande abraço e boa semana!

Micha Descontrolada disse...

linda, porém, eu acho q a pessoa tende a repetir o mesmo erro...
do mesmo jeito q largou a outra esposa, largou a sua mãe...
já parou pra pensar nisso?
não to dizendo q é consequencia e tal...
é q já vi esse filme antes...
aliás, vivi, e sai fora pensando exatamente q ele poderia repetir o mesmo erro, dessa vez comigo.

Uma ótima semana para você!!!

/(,")\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_................

Bruninha disse...

Minha amiga querida!!
Que história lindaaaa, e é como vc disse o importante é que foi linda enquanto existiu e disso, gerou um ser muito especial VOCÊ!!

Amiga, tô te devendo um email né? Vou tentar te mandar hj tá??

Gosto muito de vc!!!

Bjs

orvalho do ceu disse...

Olá, minha linda
Tem o seu selinho postado em meu Blog de MIMO...
Bjm e ótimo dia!!!

Ana Carolina disse...

Linda história! Adorei.
Ganhei um selinho e indiquei seu blog!!
bjsss

Michele disse...

Jaque, achei linda a história dos seus pais. Embora não tenha tido um final feliz, foi muito feliz, intensa e verdadeira enquanto durou. Há relacionamentos que duram uma vida toda e que não tem tudo isso que eles puderam viver!

Um beijo, amada!

Lu Barreto disse...

Ai Jaque, que história comovente. E passando por isso agora, também tenho a certeza que a minha história também foi bonita porque me deu a pessoa que mais me importo nesse mundo e que é a minha vida.
Seria muito bom que as histórias de amor tivessem sempre um final feliz.
Obrigada pelo seu carinho, beijos.

Lily disse...

Jaque, histórias com finais felizes são aquelas que dão frutos, que no período em que existiram geraram amor. A história dos seus pais continua, através de você e por isso, ainda é muito feliz!
Um beijo, querida!

Jacqueline Soares disse...

~'. Foi uma história feliz, apesar de tudo.
Você foi o fruto dessa história, e acho que além de todo o amor vivido pelo dois, você é a parte mais marcante.
Eles não devem ter se arrependido de ter tido uma filha como você, então não há arrependimentos dos momentos que passaram juntos, já que você foi fruto desse amor. E isso é bom.
É horrível quando um laço desata e nos arrependemos do que se passou.
A história muito bonita.
E como diz Lily ai em cima, você faz essa história perdurar.

Beeeijos

Au disse...

Jacque, concordo com você, o final não precisa ser feliz para ser bonito. Foi verdadeiro enquanto durou, isso que importa...
“Querido John” (o livro) mostrou que mesmo separados a história foi intensa, verdadeira e linda... Assim como aconteceu com seus pais.


Beijo!

Marcinha disse...

Sabe que essa é realmente uma história de amor e combina com o nome do meu blog que seja eterno enquanto dure, não durou para sempre mas durou o suficiente, para todo mundo saber que ali existiu o amor sincero e quem disse que precisa ter final feliz para ser uma linda história? Acho que por isso que você tem essa carinha de anjo, porque é fruto de um amor!

ONG ALERTA disse...

Uma história para emocionar, beijo Lisette.

JoeFather disse...

Venho aqui parabenizá-la por relatar tão bela história, pois do amor só se espera isso: grandes emoções!

Abraços renovados e um excelente final de semana!